Praias

BOIPEBA




Localizada ao sul de Tinharé, cercada de um lado pelo oceano e de outro pelo estuário do Rio do Inferno, a ilha conta com os povoados de Velha Boipeba, Moreré e São Sebastião, esse último também conhecido como Cova da Onça. A paisagem, de uma rara beleza natural e grande diversidade de ecossistemas, se abre em floresta densa da Mata Atlântica, restinga, dunas, uma das maiores reservas de mangue do Brasil e praias paradisíacas com extensos coqueirais e recifes de grande valor ecológico.

A rica flora e fauna destaca, entre outras espécies, uma grande variedade de corais, algas, peixes, moluscos, ouriços e estrelas. Habitat de aves e colibris, tatus e raposas, é ponto também de desova das tartarugas marinhas. Entre trilhas ecológicas que passam pela Mata Atlântica e 20 quilômetros de praias paradisíacas e intactas, a ilha é igualmente reduto do turismo histórico. Em Velha Boipeba, a Matriz do Divino Espírito Santo data do início do séc. XVII. Já em São Sebastião, o destaque é a Igreja de São Sebastião, do início do séc. XX.

Boipeba

Boipeba oferece:

Matérias relacionadas de Boipeba

Dicas dos Viajantes

Fotos de Boipeba Envie sua foto Praia | Surf | Mergulho
  • boipeba/ba
  • boipeba/ba
  • boipeba/ba
  • boipeba/ba

Já conhece Boipeba ? Deixe seu Comentário
(1 Comentários enviados)

6/3/2013
Enviado por:
maria stela inacio palma
praia de boipeba
"adorei a praia. meu sonho e um dia passear ai, sou do sul de minas e nao conheço bahia ainda, mto linda mesma."
Como Chegar em Boipeba

Exibir mapa ampliado

Há várias maneiras de para chegar a Boipeba. A mais rápida é a via aérea. Bimotores voam do aeroporto de Salvador para o extremo sul da ilha de Tinharé, (R$340) de onde partem barcos até Boipeba (R$10). Outra opção é a viagem de catamarã (R$75), de Salvador a Morro de São Paulo. Daí é possível ir de trator e barco até Boipeba. Porém quem prefere uma viagem de carro terá que ir até Valença. Daí, lanchas vão até Boipeba (R$35) ou barcos em viagem de 4h (R$12). Há opções de travessia também por Torrinhas (R$25), na ilha de Cairu
Saindo de Salvador pelo ferry-boat (71) 3254-1020, diariamente, saem ônibus da empresa Cidade Sol (71) 3682-1791 de Bom Despacho para Torrinhas.

Publicidade


Praias - Boipeba

Praias - Boipeba

Ponta de Bainema:
Desprovida de infra-estrutura turística, a praia possui uma grande extensão, abrangendo uma enseada de águas bem tranqüilas. Seu ponto forte é o potencial pesqueiro. Com a maré baixa, surgem piscinas naturais perfeitas para o mergulho livre. Na parte que possui fundo de areia, a pesca de peixes e camarões-pistola com redes de arrasto movimenta a economia local, que direciona a produção para Valença.

Ponta dos Castelhanos:
Uma belíssima praia deserta, marcada por um banco de corais perfeito para o mergulho. No fundo do mar, repousam até hoje os restos do navio espanhol Madre de Diós, naufragado nos primeiros anos da história do Brasil. Foi exatamente daí que surgiu o nome Ponta dos Castelhanos. Sem qualquer infra-estrutura, o local chama a atenção por ser um importante ponto na desova de tartarugas marinhas.

Praia de Cuieira:
Boa para banho em todas as fases da maré, a praia adquiriu notoriedade por seus arrecifes, que proporcionam agradáveis mergulhos em águas quentes e cristalinas. Semideserta, a Cuieira ainda não conta com qualquer infra-estrutura.

Praia de Moreré:
Entre as praias mais conhecidas de Boipeba, Moreré, situada na costa leste da ilha, abrange uma bela enseada de águas tranqüilas, cercada de recifes de corais, situados a cerca de 500 m da costa. As piscinas naturais que se formam neste ponto fazem, do local, uma área ideal para banhos relaxantes e para a prática de mergulho. Localizada nas imediações de um pequeno povoado bem pitoresco, a praia ainda apresenta um grande banco de areia que, durante a baixa da maré, permite, ao visitante, caminhar a partir da costa cerca de 300 metros mar adentro. Barracas bem equipadas, instaladas em suas extensas areias, servem petiscos deliciosos, além de pratos típicos da culinária local. O grande destaque fica por conta do camarão gigante, recém chegado do mar e frito na hora.

Praia de São Sebastião ou Cova da Onça:
O passeio a este belo local inclui visitas a construções jesuíticas de grande valor histórico. Já a praia segue o perfil da região, com um vasto banco de corais e passarelas de areia, que adentram o espaço do mar durante a vazante da maré. No verão, estas "praias" temporárias são a grande sensação, atraindo um alto número de visitantes.

Praia de Tacimirim:
Localizada num dos mais concorridos destinos da Costa do Dendê, na paradisíaca Ilha de Boipeba, Tacimirim é opção para aqueles que desejam mesclar tranqüilidade e beleza à prática de alguns esportes náuticos. O local consiste em um dos melhores pontos de mergulho de toda a região de Cairu. Durante a maré baixa, seus extensos arrecifes promovem o surgimento de belas piscinas naturais, de águas quentes e cristalinas, ideais para deliciosos banhos em família e para o mergulho livre. A cerca de 5 Km da costa, já em mar aberto, um outro exuberante tapete de corais, com o mesmo nome, proporciona a prática do mergulho autônomo, aquele feito com auxilio de equipamentos, em maiores profundidades. Com muitos focos de mata preservada e um extenso coqueiral, a bela Tacimirim chama atenção também pela beleza de suas paisagens, que, no período de desova, abrilhantam-se com espetáculo promovido pelas tartarugas marinhas.

Praia de Velha Boipeba:
Situada nas imediações do povoado de mesmo nome, esta praia é bastante peculiar. Fluvial, formada pelas abundantes águas do Rio do Inferno, a Praia de Velha Boipeba oferece excelentes condições para a prática de esportes náuticos e passeios de barcos. Sua infra-estrutura é boa, incluindo várias barracas especializadas no preparo de pescados da própria região.

Voltar Boipeba oferece
Crédito: Fonte: Bahiatursa / Fotos: Jfreitas * arquivo Bahiatursa
Gostou? Então veja mais de 100 PRAIAS neste Guia