Praias

Defesa Civil de Ubatuba em estado de alerta

Equipes intensificam fiscalização de áreas de risco em todo o município


As fortes chuvas que atingiram o Litoral Norte nas últimas 72 horas colocaram Ubatuba em estado de alerta, quando o índice pluviométrico acumulado supera a marca de 100 milímetros. Os bairros mais atingidos foramLázaro (198,9), Perequê-Mirim (177,57), Ubatumirim (173,59), Ipiranguinha (168,8) e Figueira (168,25). Em outros 11 bairros, o índice pluviométrico também está acima do estado de atenção.

Conforme informações fornecidas pelo coordenador da Defesa Civil de Ubatuba, Guaraçay dos Santos, não houve desabrigados e nenhuma casa foi alagada. Os alagamentos em vias da cidade - principalmente no Lázaro e no Parque Guarani (Centro) -  rapidamente se escoaram após o término das precipitações. Já no km 10 da Rio-Santos, altura do bairro Picinguaba, houve uma queda de árvore na rodovia. As chuvas também afetaram a rede de telefonia e de internet na cidade.

Como parte do Plano Preventivo de Defesa Civil Ubatuba, as equipes da Prefeitura de Ubatuba intensificam fiscalizações de áreas de riscos. "Há previsão de novas chuvas intensas a partir da tarde desta quinta-feira e, frente à umidade retida no solo, isso pode levar a deslizamentos de encostas de morros e alagamentos, principalmente nos bairros acima citados", explica Santos. "Estamos preparados para a remoção o acolhimento de pessoas dessas áreas caso seja necessário", acrescenta.

A Defesa Civil recomenda à população que evite transitar em ruas alagadas e mantenha-se em lugares abrigados, longe de redes elétricas e árvores, e informar pelo número 193 ou 199 os pontos onde há enchentes. 

O prefeito Délcio Sato (PSD) reforçou as orientações da Defesa Civil e ainda manifestou sua solidariedade aos municípios vizinhos. "Estamos à disposição para ajudar São Sebastião e Ilhabela, cidades mais afetadas pelas chuvas dos últimos dias", destacou.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social / PMU

16/2/2018