Praias

O 16º Curta Santos terá curta-metragens de nove estados em sua mostra nacional Olhar Brasilis


A direção de mostras do 16º Curta Santos - Festival de Cinema de Santos definiu a lista dos quinze curtas-metragens que farão parte da mostra nacionalOlhar Brasilis. O evento acontece entre os dias 16 e 20 de outubro na cidade do litoral paulista, com o tema "Prá Frente, Brasil", propondo uma reflexão acerca da contemporaneidade da obra do homônima do cineasta Roberto Farias (1932-2018).

As obras que representarão a produção em âmbito nacional contemplam nove estados brasileiros (Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo). Desta forma, com a divulgação prévia dos selecionados para as mostras regionais Olhar Caiçara Videoclipe Caiçara, está completa a grade competitiva do festival.

 
Filmes selecionados para a mostra Olhar Brasilis:

MAJUR | Direção: Rafael Irineu | Doc | 20´00" | Rondonópolis/MT | 2018 | cor | Livre | Um ano na vida de Majur, chefe de comunicação de uma aldeia no interior de Mato Grosso.

 

ENTREMARÉS | Direção: Anna Andrade | Doc | 20´00´´ | Recife/PE | 2018 | cor | Livre | No chão de lama, mulheres compartilham os seus vínculos e vivências com a maré, a pesca, e a Ilha de Deus.


REPULSA 
| Direção: Eduardo Morotó | Ficção | 20´00´´ | Recife/PE | 2017 | cor | 12 anos | Em Serra da Onça, o Partido do Touro recorre à violência para alegar soberania perante as mulheres, os trabalhadores e as terras. Quem sobrevive é levado à casa-grande.

 

BOLHA | Direção: Mateus Alves | Animação | 15´00´´ | Recife/PE | 2018 | cor | Livre | Produzido a partir de pinturas a óleo e acrílico do artista plástico pernambucano Daniel Araújo, retrata um dia na vida de um jovem alheio ao mundo a sua volta. Deparando-se com uma deformidade em seu corpo, ele busca saída.


UM FILME DE BAIXO ORÇAMENTO | Direção: Paulo Leierer | Ficção | São Paulo/SP | 13´00 | 2018 | cor | Livre | Cientistas do "Instituto Brasileiro de Pesquisas Alternativas e de Segunda Importância" combatem a falta de verba e mantém vivos seus sonhos.

 

O VESTIDO DE MYRIAM | Direção: Lucas H. Rossi | Ficção | 15´00´´ | Rio de Janeiro/RJ | 2017 | P&B | 14 anos | Em uma casa pacata, um casal de idosos segue a vida em silêncio.


AZUL VAZANTE | Direção: Julia Almeida Alquéres | Ficção | 15´33´´ | São Paulo/SP | 2018 | cor | 10 anos | Uma mãe procura o filho em um leito hospitalar; encontra a filha. Entre margens e marés, do centro vaza azul.

 

A SOMBRA INTERIOR | Diego Tafarel | Ficção | 16´22´´ | Santa Cruz do Sul/RS | 2018 | cor | 16 anos | Filho de família patriarcal do interior descobre algo.

 
CARTA SOBRE O NOSSO LUGAR MULHERES DO VILA NOVA | Direção: Rayane de Almeida Penha | Doc | 13´00´´ | Macapá/AP | 2017 | cor | Livre | A força, a resistência e o poder místico de mulheres que moram e trabalham em um garimpo no interior do Amapá.


A GENTE NASCE SÓ DE MÃE Direção: Caru Roelis | Ficção | 19´00´´ | Cuiabá/MT | 2017 | cor | 10 anos | Inspirado em uma história real. Garota de 17 anos vive em situação precária com irmãos e filho recém-nascido. A mãe os deixou para morar com o namorado. Um corte de energia tem consequências trágicas.


MOTRIZ 
| Direção: Tais Amordivino | Doc | 15´00´´ | Salvador/BA | 2018 | cor | Livre | Apesar dos olhos d´agua, Bete carrega consigo um sorriso largo que entrelaça a dor, o afeto e a saudade das filhas.


MÃE? 
| Direção: Antônio Victor | Ficção | 19´57´´| Cachoeira/BA | 2018 | cor | 12 anos | Rosa é uma mãe que luta para criar sozinha o filho. A relação é de dependência e controle. Endurece com o tempo. E sucumbe ao medo, ao preconceito e à intolerância.

 

POVOESIA | Direção: Gabi Madeiro e Gabriela Araruna | Doc | 13´30´´ | Fortaleza/CE | 2018 | Livre | A crença de que o povo é poesia, que a beleza está nas ruas e que a periferia tem uma identidade marcada por expressões e costumes que inspiram.


AQUARELA | Direção: Thiago Kistenmacker | Ficção | 15´00´´| São Luis/MA | 2018 | cor | 16 anos | Com o marido na cadeia, Ana se torna a única responsável pela sobrevivência de sua família. Inclusive a do próprio marido.


TEMPO | Direção: Victor Uchôa | Ficção | 15´00´´| Salvador/BA | 2018 | cor | Livre | João, jovem fotógrafo, retorna a Salvador e encontra o avô com a memória fragmentada pelo Alzheimer.

 

 

OLHAR CAIÇARA
(Lista divulgada em 3 de setembro)

 

FILME

DIRETOR

CIDADE

ANA

Vitória Felipe

Santos/SP

ANCHIETA

Marcelo Pereira e Victoria Andria

Santos/SP

AVE

Gabriel Riccieri, Gustavo von Gal e Thais Machado

Santos/SP

BENITO TILMAN, O PIOR CINEASTA DO MUNDO

Dino Menezes

Santos/SP

CARPE DIEM

Rafaela Navarro

Santos/SP

CICLOS

Juliana Gomes e Luiz R. Penereiro

Santos/SP

DEVENIRE

Guilherme Dias e Leonardo Soler

Guarujá/SP

DIA DE FEIRA

Wladimyr Cruz

Santos/SP

ELZA

Leandro Olímpio

Santos/SP

ISOLADO

Marcos Alves Lemela

Santos/SP

NOME PROVISÓRIO

Bruno Arrivabene e Victor Allencar

Santos/SP

NÚMERO UM

Marcela Akaoui

Santos/SP

O AMOR E ANA JOSEFA

Fiama Virgínia

Santos/SP

PESADELO

Bruno Canuto

Santos/SP

SHIO (MARÉ)

Bruno Landin

Santos/SP


VIDEOCLIPE CAIÇARA
(Lista divulgada em 12 de setembro)   

 

BANDA / VIDEOCLIPE

DIRETOR

CIDADE

AMPHÈRES | "A DANÇA"  

Rodney Assunção

Santos/SP

ANNE M. | "KEEP ROLLING"

Fabiano Keller

Guarujá - SV/SP

BALLARA | "GUARDE NA MENTE"

Alfredo Soria Neto

Santos/SP

BELINE | "INTANGÍVEL"

Mateus Corrêa

Cubatão/SP

COLETIVO CLEAN | "PAZ SOBRE TODAS AS GUERRAS"

Ariel Pereira Quintela

Santos/SP

O CUBO | "SINESTESIA"

Gustavo Almeida

Santos/SP

DAVI CAMPOLONGO | "MEU MUNDO"

Alexandre Valdívia

Guarujá - SV/SP

SILVINO | "DISCORDANTES"

Silvino, Bruno Arrivabene e Victor Allencar.

Santos/SP

SINERA | "COM AS PRÓPRIAS MÃOS"

Lucas Siqueira

Guarujá/SP

ZIMBRA | "AZUL"  

Thiago Tsung Bertioga / SP

Fonte: Prefeitura de Santos

2/10/2018